Hora de Diva
12
abr
Óleo de Copaíba: Trata de estrias, celulite e couro cabeludo
Categoria: Beleza e Saúde, Cabelos, Eu Testei
Conhecido como bálsamo da Amazônia 

A copaibeira pode atingir 40 metros de altura, 4 metros de diâmetros e viver 400 anos. O óleo é extraído do caule da àrvore e a extração deve ser feita de forma que não prejudique a àrvore. Esse óleo-resina protege o organismo vegetal de fungos, bactérias e animais. Já foi utilizado por incas, maias, egípcios e ainda é famoso nas tribos indígenas que conhecem seu potencial curativo.  Entre as propriedades desse óleo estão: ação analgésica, antiviral, antibiótica e cicatrizante, no sistema respiratório pode agir como expectorante, combate infecções do trato respiratório e urinário;  Estudos estão sendo realizados para testar seu potencial  contra célular cancerígenas.
O óleo pode ser utilizado de forma oral ou tópica, o que encontrei é para uso tópico e não pode ser ingerido!
Encontrei em uma farmácia, acredito que também seja possível encontrar em lojas de produtos naturais. O importante é verificar se o óleo é puro, 100% óleo essencial de copaíba.
O óleo pode ser usado para massagens corporais e ativa a circulação, alivia dores musculares, reumatismos e inflamações.
Na pele, pode ser usado no tratamento de estrias, celulite, manchas e cicatrizes, seu efeito é potencializado se usado com outros óleos, como o de rosa mosqueta por exemplo. Além disso, é emoliante, hidata a pele e aumenta a elasticidade, deixando com aspeto mais firme e jovem. Use diariamente sobre a pele limpa, massagerando para facilitar a absorção.

Cabelos: é utilizado pela indústria cosmética para produção de shampoos  e máscaras pois equilibra a oleosidade do couro cabeludo e consequentemente dos fios. Trata queda de cabelo,  micoses, seborréia, caspa, e deixa os fios mais macios, nutridos e brilhantes. O efeito é de um tônico capilar que estimula a circulação  e promove desintoxicação enquanto nutre o couro cabeludo.
 É importante que o óleo seja 100% puro, sem adição de outros ingredientes, olhe sempre o rótulo.
Sobre o óleo essencial de Copaíba: Tem cheiro marcante, característico de madeira. Sabe o cheiro de óleo de peroba?? É mais ou menos isso. A consistência é de um óleo leve, fino  e fácil de espalhar.
Como eu uso: Nos dias de lavar os cabelos aplico algumas gotas nas mãos, aqueço entre as mãos e aplico no couro cabeludo massageando por alguns minutos, depois pingo algumas gotas nas mãos  ou em uma cumbuca e coloco mais um menos uma colher de óleo vegetal ( amêndias doces, cártamo, coco) e aplico massageando comprimento e pontas. Deixo por umas 2 horas e depois lavo com shampoo ( explico como lavo meus cabeos aqui) e sobre como usar óleos para umectação dos cabelos aqui e sobre vários óleos aqui. Uso 1 ou 2 vezes por semana. Pois intercalo com outros tratamentos.
O óleo purifica o couro cabeludo, que se mantém limpo por mais tempo, e pode crescer forte e saudável, nos fios o efeito é condicionante.
Quero testá-lo na pele também e ver os resultados 😉
Alguém aí já usou o óleo de copaíba?
Espalhe por aí:
Facebook
Twitter
Tags: cabelos, cosméticos naturais, cuidados da pele,
Hora de Diva Blog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acesse nossa Loja Virtual
Quem Sou
FERNANDA SCHOMA DE OLIVEIRA
Siga o IG
Buscar no Blog
Facebook
Publicidade